UNEM

28 de agosto de 2020

Área tributária é pauta central de Comitê de Crise

O Comitê de Gestão de Crise da Unem se reuniu no dia 10 de agosto para debater, principalmente, os desafios na área tributária. Criado logo que a pandemia iniciou, o comitê reúne representantes das usinas de etanol de milho associadas à Unem para alinhamento estratégico e direcionamento de ações.

 

Na esfera estadual, foram analisadas as várias reivindicações junto ao Governo do Estado. A suspensão da cobrança de ICMS para armazenagem e faturamento mediante venda do etanol hidratado em outros estados e a busca por convênio entre as secretarias de Fazenda de Mato Grosso, São Paulo, Pernambuco, Amazonas, Pará e Paraná foram definidas como prioridades.

 

A pauta junto à Sefaz-MT inclui ainda a articulação para que o estado do Pará regulamente e defina prazos para transbordo; o cadastro de novas distribuidoras e a desoneração da incidência de ICMS sobre a matéria-prima (milho) proporcional à produção de farelo de milho.

 

Ficou definido também que a estratégia do setor em relação à Reforma Tributária será feita por meio do Instituto Pensar Agro (IPA), via Frente Parlamentar da Agropecuária (FPA). Uma Assessoria Jurídica será contratada para fazer a análise dos impactos sobre o segmento de etanol de milho, e a partir disso serão apresentadas proposições junto ao Congresso Nacional.

 

Também foram pauta da reunião o contrato com o Imea e o apoio da Aprosoja na contratação dos serviços.

 

Participaram da reunião o presidente do Conselho Administrativo da Unem, Henrique Ubrig, o presidente da Unem, Guilherme Nolasco, a gerente administrativo-financeira, Samantha C. Diniz, o conselheiro consultivo da Unem, Ricardo Tomczyk, e os representantes das usinas associadas: Rafael Ranzolin (Inpasa), Fernando Alfiero (Inpasa), Jonas Lambrech (Inpasa), Eduardo Motta (FS Bioenergia), Antônio Porceli (FS Bioenergia), Celso Ticianelli (Libra) e Anderson de Godoy (Alcoad).

Renovabio é tema de webinar

 

Guilherme Nolasco, presidente da Unem, participou do webinar “RenovaBio: elegibilidade e rastreabilidade da soja e do milho” no dia 12 de agosto. O evento online foi promovido pela Ubrabio e pela Embrapa Agroenergia, que organizaram a Biodiesel Week, uma série de debates virtuais sobre o mercado de biodiesel – que é comemorado no dia 10 de agosto.

 

 

Intensificação da pecuária passa por farelos de milho

 

A Unem se reuniu no dia 13 de agosto com a Embrapa Gado de Corte para estreitar relações e definir critérios para criação de projeto de intensificação pecuária a partir do estímulo dos farelos de milho. Os resultados esperados são o aumento na produção de carnes e a disponibilização de áreas de pastagens de baixa produtividade para a produção. A integração lavoura-pecuária-floresta também tende a ser favorecida.

 

Focada no diagnóstico e na orientação do setor da pecuária para os desafios nos próximos 20 anos, a Embrapa Gado de Corte destacará sua área de inteligência e de nutrição para o projeto. A intenção é pesquisar os níveis de inclusão e a performance de produção com dietas à base de farelos de milho.

 

 

Agenda Institucional

  • 13 de agosto: reunião com associados parceiros para definição de objetivos e estratégias de apoio à Unem. Participaram ICM, Novozymes e Dupont;
  • 14 de agosto: reunião com representantes da Usina Cerradinho (GO), com apresentação da atuação institucional da Unem e busca do fortalecimento da representação do setor, com atração de novos associados;
  • 17 de agosto: reunião conjunta entre a Unem e o Sindálcool com seus associados para tratar de interesses comuns;
  • 19 de agosto: reunião com gestores de fundos de investimentos capitaneados pela UBS.

 

Unem.Informa é uma comunicação interna dirigida aos associados à União Nacional do Etanol de Milho (Unem). Reprodução proibida. Contato: ascom@etanoldemilho.com.br